Como Mudar a Fralda em 8 Passos

A muda da fralda explicada em 8 passos simples para que, quando chegar a altura, se sinta preparado para enfrentar qualquer desafio.

As fraldas são um objecto que farão parte do dia-a-dia do bebé, desde o nascimento até cerca dos 2 anos. Apesar de parecer uma actividade simples, existem certas especificidades que devem ser tidas em conta. Antes de começar a mudar a fralda ao bebé é necessário que reúna todo o material necessário, fralda, compressas com água ou toalhetes, nova muda de roupa se necessário, colocando tudo à mão.

Como mudar uma fralda em 8 passos simples e fáceis

  • Desaperte a roupa da parte de baixo do babygrow e o body e coloque-as para cima, na região das costas, para não se sujarem;
  • Desaperte a fralda e levante as pernas do bebéRetire a maior parte da sujidade com a fralda, arrastando-a pelo rabinho;
  • Limpe o bebé com toalhetes ou compressas com água morna;
  • Não se esqueça que, nas meninas deve limpar sempre da frente para trás, de modo a evitar infecções urinárias. Nos meninos levante o escroto, de modo a ter a certeza que tudo fica bem limpo;
  • Coloque uma compressa ou um toalhete em cima da vulva ou do pénis, pois os bebés gostam de urinar quando estão sem fralda, assim a urina ficará retida;
  • Depois de bem limpo coloque a fralda nova, com as fitas adesivas para trás, por baixo do rabinho do bebé;
  • Faça uma dobra de modo a que o coto umbilical fique de fora da fralda, caso este ainda não tenha caído ou ainda não esteja completamente cicatrizado;
  • Aperte a fralda e vista o bebé.

Os cremes hidratantes, com base de vitamina A, para as assaduras, apenas devem ser aplicados caso a pele do bebé esteja vermelha e dorida. Como prevenção das assaduras deve trocar a fralda frequentemente e hidratar a pele do bebé com um creme corporal adequado.


Por Susana Carvalho de Oliveira
Enfermeira Especialista em Saúde Materna e Obstétrica
Parteira de profissão e de coração desde 2011. Impulsionadora e diretora do projeto VouNascer. Desde 2006 que trabalha na área de obstetrícia, primeiramente no internamento de obstetrícia de um hospital privado, da área da grande Lisboa, e atualmente no bloco de partos e urgência obstétrica de um hospital público. É também conselheira em aleitamento materno reconhecida pela OMS/UNICEF, reflexologista na área da gravidez e parto, e co-autora do Método Nova-Génese. Empreendedora e dedicada de natureza. Tem 2 filhos rapazes que todos os dias lhe recordam as alegrias da maternidade.

Comentários

Ao escolher o seu país inscreve-se na nossa newsletter para receber as últimas informações sobre maternidade, descontos e novidades.

Ops! Ocorreu um erro

Por alguma razão não foi possível colocar o seu comentário.
Por favor tente mais tarde!

Fechar

O seu comentário foi enviado!

Em breve ficará disponível. Obrigado!

Voltar à Homepage